Marketing: o que é ?

Marketing é a ciência e a arte de explorar, criar e entregar valor para satisfazer as necessidades de um mercado-alvo com lucro. Marketing identifica necessidades e desejos não realizados. Ele define, mede e quantifica o tamanho do mercado identificado e o potencial de lucro. (Philip Kotler)

 

Marketing conjunto de ações e estratégias que visam estabelecer pontes produtivas entre os desejos e necessidades de possíveis consumidores com as possibilidades produtivas empresariais procurando maximizar a satisfação do cliente a fim de que, também, se amplie o lucro.

 

O objetivo do marketing é entender tão bem o cliente para que o mesmo se torne parte da empresa para sempre. Para se estabelecer essa fidelização a empresa antes de tudo precisa conhecer seus hábitos, medos, anseios, etc.

 

O profissional de marketing pode estar presente em diversas frentes: do planejamento de criação de um produto até o relacionamento com o cliente no pós-venda sendo que a área de o marketing não tem a função de vender; mas, sim, de criar um ambiente propício para que a venda ocorra.

 

O novo profissional do marketing tem que ser multifacetado, ou seja, navegar entre muitas áreas, mas não precisa ter uma formação no assunto. Tem que entender de tecnologias e estar sempre ligado nas inovações, este profissional não é mais caracterizado por ser  apenas criativo, mas também por ser mais analítco, tendo um profundo conhecimento de dados que as marcas detêm e que recebem diariamente.

 

É comum as pessoas confundirem marketing com publicidade, mas esta é, somente, responsável pela divulgação de uma empresa, produto ou serviço e não na análise e todo o processo de compreensão do mercado.

 

Os 4Ps estruturadores do marketing

 

O professor americano Jerome McCarthy, foi quem, na década de 60, ao escrever seu famoso livro Basic Marketing, estruturou o marketing a partir dos 4Ps:

  • produto: uma empresa precisa oferecer algo. O produto, aqui, também engloba serviços oferecidos por um negócio.
  • preço: o preço é, na verdade, o valor que será cobrado pela solução que você oferece.
  • praça: onde o produto é serviço será exposto para ser vendido;
  • promoção: tem o sentido de Promover a sua marca e soluções, fazer com que a mensagem de marketing da sua marca chegue aos ouvidos certos.

 

Ele identificou que a união desses quatro elementos fundamentais do marketing geravam uma relação satisfatória e lucrativa entre as partes.

 

Os 4Ps estão ligados intimamente ao posicionamento que a empresa/marca pretende seguir. Ter um bom posicionamento de mercado, segmentar, definir o público-alvo e ter estratégias bem definidas determina, em boa parte, o sucesso de um produto ou serviço.

 

 

A evolução do Marketing

 

Quatro momentos caracterizam as fases do marketing e sua evolução:

1a. A preocupação com a padronização do produto.

2a. A identificação das vontades e desejos do cliente.

3a. A busca da customização para responder aos tais desejos do cliente.

4a. A construção da imagem da empresa vinculada a um projeto social. A criação de relacionamentos por meio de tecnologias, particularmente, das mídias sociais.

 

Marketing na era digital

 

Com o avanço das tecnologias, principalmente da internet, as pessoas estão diariamente conectadas, por inúmeros dispositivos e as marcas precisam se adaptar. Para uma empresa do século XXI, não há espaço para se manter estática e estável.

 

Atualmente, as marcas passaram a ser mais sociais, construídas coletivamente pela organização e pelo público. Nesse contexto, as marcas que se adaptarem a esse novo modelo de negócio extraindo o melhor que a era digital tem a oferecer garante um diferencial competitivo maior é a comunicação com seu público-alvo se torna mais eficaz.

 

E isso, além da ampliação positiva de contato com o cliente, traz riscos. A internet permite que as marcas tenham uma a proximidade com seu público-alvo cultivando relacionamentos estratégicos com grande rapidez. Isso permite, também, a possibilidade de crises de imagem de grandes proporções em poucas horas. Por isso, há exigência de se cuidar, incessante e atentamente, da reputação da empresa.

 

O marketing vem ao encontro da necessidade constante de inovação e diálogo com o seu público analisando e oferecendo estratégias para localizar novas oportunidades de negócio ainda a serem perscrutadas pelas inovações que vem a seguir.

 

Categorias